WTC São Paulo Business Club

O WTC São Paulo Business Club existe desde a fundação do Complexo WTC SP, mas vem operando seu atual conceito e modelo de negócios há quase 15 anos, quando, liderados por seu atual Presidente, Bruno Bomeny, trouxe do mercado os principais executivos do emergente setor de Clubes de Relacionamento, Câmaras Internacionais de Comércio e Associações Empresariais.

Desde então, o WTC São Paulo Business Club vem crescendo de forma qualitativa e acelerada, expandindo suas operações pelo Brasil e, desta forma, se tornou a referência Número 1 em Clube de Negócios em toda a rede mundial WTC, sendo, inclusive, convidada para oferecer palestras e consultorias internacionalmente. As outras unidades de negócios que completam o WTC São Paulo são o Shopping D&D, Sheraton Hotel, WTC Events Center e WTC Office Tower. Hoje o WTC São Paulo Business Club conta com um staff de aproximadamente 50 colaboradores para atender de forma profissional e sustentar seu contínuo crescimento com excelência em seus serviços. Possuímos filiais nas cidades de Belo Horizonte e em Fort Lauderdale (Flórida - USA).

Impacto do World Trade Center São Paulo na Berrini

Os arquitetos Carlos Bratke, Roberto Bratke e Francisco Collet foram os responsáveis por dar início a famosa e movimentada Avenida Engenheiro Luís Carlos Berrini, em 1975. A ideia era fugir dos altos preços da Av. Paulista e, assim, se estabeleceram na Rua Funchal e investiram em projetos para a estruturação da avenida.

Em 1993 começa a construção do Complexo World Trade Center São Paulo, WTC-SP, na região da Av. Berrini, que começa a passar por uma transformação importante. Empreendedores já percebiam as oportunidades e visionavam o que se transformou na atual avenida.

O bairro Brooklin Novo despontava como potencial centro de business, mas não havia prédios. O cenário apresentado era composto por ocupações clandestinas que contrastavam com a possível expansão de uma área econômica paulista.

Com o surgimento dos empreendimentos, os empresários sentiram a necessidade de organizar uma associação que mapeasse o bairro, e buscasse soluções de investimento que revertesse tal situação. Em parceria com a Prefeitura do Estado de São Paulo e a Secretaria do Bem-Estar Social gerou-se benefícios reais para estes moradores e, consequentemente, para as novas empresas.

Em 2001, Gilberto Bomeny, CEO do WTC-SP e precursor desta ação, foi convidado para ministrar uma palestra em Nova York, reconhecido pela Organização das Nações Unidas (ONU) pelo empenho para a resolução de uma causa socioeconômica.

O projeto do gigante Complexo WTC-SP, considerado o maior complexo de negócios da América Latina, foi um marco na contribuição e evolução da avenida que tornou-se a tão conhecida Berrini.

_