Atrair e Reter Talentos através do Desenvolvimento foi pauta de encontro de VPs e Diretores de RH, em São Paulo


Postado em 7 de abril de 2017

No dia 06 de Abril foi realizado o 74º Fórum de CHROs, o Fórum do WTC Business Club focado nos Diretores e VPs de RH das maiores empresas do país. Foi tratado de um tema cada vez mais crucial e importante no dia a dia das empresas: como “Atrair e Reter Talentos através do Desenvolvimento”.

Para tal, formamos um painel de grande expressão: Valdirene Soares, Superintendente Executiva de Recursos Humanos do Bradesco, cuja Universidade Corporativa – a UNIBRAD – foi eleita no dia 05 de Abril de 2017 a melhor do mundo em todos os quesitos; Marcelo Nóbrega, Diretor de Recursos Humanos da Arcos Dourados – eleito o melhor profissional de RH do ano; e Erika Takahashi VP de Recursos Humanos para Cone Sul da Mastercard.

Para 62% dos mais de 30 C-Levels presentes, o quadro de investimentos em Treinamento e Desenvolvimento aumentará, da mesma forma que 55% dos presentes aumentarão suas contratações em 2017. As ações de T&D – que visam principalmente o aumento de produtividade e formar novas lideranças – terão proposta mista para mais de 60%, com aumento da utilização da plataforma e-learning, mas sem deixar também de focar em treinamentos presenciais.

O Bradesco, uma das principais instituições bancárias do país, apresenta números expressivos em sua UNIBRAD: são mais de 11 mil usuários ativos, com mais de 742 mil questões já levantadas e respondidas em áreas como coaching, educação financeira, educação executiva e negócios. Essa interação foi compreendida por mais de 134 mil interações únicas, sendo 19 mil presenciais e 114 mil online.

O desafio da Arcos Dourados é diferente. São 1200 contratações e, da mesma forma, 1200 demissões por mês. Tal turnover se deve às diversas personas e tribos que são o foco da atração de colaboradores. Essa diversidade leva à pluralidade de identidades em cada restaurante, com personalidades, ambições e realidades distintas.

Na Mastercard, cujo público-alvo da atração é diferente, o desenvolvimento é tido através do entendimento do perfil de cada escritório ao redor do mundo, visando cada vez mais a produtividade. Assim, tanto as ações de desenvolvimento, como os benefícios que os funcionários terão são projetados.

A atração e, principalmente a retenção de talentos, se dá através da noção de pertencimento que os colaboradores têm em relação às empresas as quais fazem parte. Este é obtido através do constante exercício de autoconhecimento e autodesenvolvimento, contribuindo assim para que novas lideranças nasçam e se amadureçam.